Ação do PSOL foi derrotada e Tarcísio Gomes tem sua segunda vitória!



O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo rejeitou nesta terça-feira (21) uma ação do PSOL contra a transferência de domicílio eleitoral do pré-candidato ao governo do estado Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos).



Com isso, o ex-ministro da Infraestrutura de Jair Bolsonaro fica autorizado a concorrer. O PSOL afirma que vai recorrer da decisão.



Segundo o desembargador Silmar Fernandes, a ação foi impetrada pelo partido fora do prazo previsto em lei. O entendimento foi aceito por unanimidade pelo plenário da Corte.


“Não será adotada nenhuma providência (contra a transferência) por questão de intempestividade. Além de não ter sido cumprido o prazo, o pedido tinha que ser instruído com provas com indício sério ou prova acerca da irregularidade do domicílio eleitoral impugnado”, afirmou Fernandes.



Vale lembrar que em 7 de junho, o TRE de São Paulo acolheu um recurso do PT e rejeitou a transferência do domicílio eleitoral de Sergio Moro para o estado. O ex-juiz deve ter que concorrer pelo Paraná.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem